Decorreram entre 14 e 24 de julho, as Festas em honra de Santa Marinha, como sempre com grande participação popular.
Ao cair da noite do dia 14, os bombos dos Mareantes do Rio Douro assinalaram o início das festividades, que continuaram na Igreja Matriz de Santa Marinha, com o Concerto de abertura, superiormente apresentado pelo Coro Santa Clave.
Todos os dias de festa tiveram a noite animada, com destaque para o dia 17, em que o fado foi a estrela principal, com muito público a apreciar um excelente leque de interpretes.
Na noite do dia 18, a Tuna Musical de Santa Marinha brindou todos os que se deslocaram ao Convento Corpus Christi, com uma brilhante apresentação teatral da “Estória de Santa Marinha”.
No dia 21 o protagonismo foi da secção de dança (DSCC) do Sporting Clube Candalense, com os seus diversos escalões. Muito público e animado assistiu a um espetáculo variado e divertido, com muita musica e dança.
Como é tradição e momento alto das festividades em Honra de Santa Marinha, realizou-se no Domingo, 23 de julho, a procissão que percorre a Beira Rio e ruas interiores da freguesia.
A Igreja Matriz foi o palco do encerramento das festividades, com o concerto de órgão de tubos, interpretado pelo doutorando em musicologia histórica, Fernando Miguel Jalôto.
Todos as festividades contaram com a presença do Presidente da Junta de Freguesia, Paulo Lopes e restante executivo, bem como vários vereadores da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia.
A Junta de Freguesia felicita a Paróquia de Santa Marinha, a Confraria do Santíssimo Sacramento e todos os participantes pela dedicação na realização de mais este importante momento na história da freguesia de Santa Marinha.

 

VÍDEO

 

GALERIA DE FOTOS